segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Para tão longo amor - Álvaro Cardoso Gomes


Para tão longo amor é uma daquelas histórias que  faz você pensar e refletir sobre o modo que está vivendo, quais as prioridades da sua vida e sobre escolhas. Amei muito ler esse livro, me envolvi na história do começo ao fim, é simples, doce e singela.
Tudo começa quando Álvaro, o autor do livro, retorna a sua antiga cidade para lançar um novo livro.
Lá ele é surpreendido por uma garotinha, que após receber o autógrafo pede para Álvaro jantar em sua casa. Como ele rejeita graciosamente, ela insiste dizendo que o convite é de seu pai, Toninho, que tinha estudado com Álvaro há muitos anos e agora adoraria revê-lo. E assim, depois da insistência da menina, Álvaro aceitou o convite, mesmo sem ainda fazer a menor ideia de quem era esse tal de Toninho.
Ao se encontrarem Álvaro logo reconheceu Toninho, mas não entende o porquê do convite, pois nunca foram tão amigos na época de escola. Toninho leva Álvaro para sua chácara e lá o autor percebe outro Toninho, mais calmo e amoroso com a família, bem diferente de outros tempos.
Álvaro foi muito bem recebido por toda família de Toninho, conheceu Sandra a mulher dele e os filhos, Ana Lúcia (essa ele já conhecia bem), Flávio e Claudio. Os dois passaram horas relembrando os tempos de escola, Toninho diz que leu todos os livros de Álvaro e que sempre o admirou na escola. Como foi ficando tarde Álvaro ficou para dormir na chácara.
Os dois sem sono e admirando a serenidade do lugar começaram a conversar, e então Toninho diz que nem sempre foi assim calmo e amoroso tudo mudou quando conheceu Regina. A partir daí ele começa a contar sua história.
Toninho quando moço vivia com seus pais numa situação muito simples. Não tinha um bom relacionamento com eles, principalmente com o pai. Com a mãe mal conversava, e o pai vivia reclamando pela falta de dinheiro, então bebia para esquecer e acabava descontando os problemas na mulher e no filho.
Quando começou a fazer exercícios para se vingar de um jovem que havia lhe batido, o Nélson, ai é que as coisas pioram. Começa a beber, a brincar com as garotas, relaxa completamente nos estudos e se afasta ainda mais da família. E inclusive em casa as coisas não iam nada bem. Por fora, Toninho se mostrava seguro de si e feliz para os amigos, mas quando ficava sozinho no seu quarto, chorava e sentia um vazio imenso dentro de si, era muito infeliz por tudo, e não conseguia entender porque a sua vida era tão ruim.
Um dia, porém chega uma nova aluna na escola, era Regina. Uma menina pálida, magra, bem diferente das garotas que chamavam a atenção no lugar. Mas Toninho fica preso em Regina, tenta chamar a atenção dela como fazia com todos, mas ela não dava bola. Mas como sempre o destino está do lado do amor.
Regina desmaia no pátio da escola, e Toninho que estava perto (como sempre) a leva para o médico. A partir daí sua vida muda. Passa a visitar Regina todos os dias, e como ela não podia ir à escola, começou a sentar na frente e assistir aula para depois repassar a Regina. Era assim todos os dias. Estava começando a mudar, deixando de lado as bebidas e as más companhias. Mas em casa continuava tudo igual.
Quando estava com Regina tudo estava bem. Quando ficou um pouco melhor, Regina foi à casa dele para irem juntos para a escola. Mas, ela piorou. Foi ficando cada vez mais fraca, e Toninho sempre ao seu lado, a amando e sem querer entender o que ela tinha. Depois de vários exames os médicos descobriram que era um tipo de leucemia. Toninho não quis saber o que era aquilo, só queria que Regina nunca o deixasse.
Em casa as coisas mudaram quando Toninho conseguiu dizer tudo o que estava entalado no coração para seu pai. Ai depois de uns tempos começou até a ajudá-lo na venda de tecidos e o relacionamento entre seus pais estava melhor. A única coisa que o incomodava era a não melhora de Regina. E um dia, quando não pode ir visitá-la por ter ido resolver uns assuntos de trabalho, ao chegar em casa tem a notícia de que Regina faleceu. Ele ficou muito deprimido, mas com o apoio da mãe de Regina e depois de um sonho que teve com ela, tem forças para seguir em frente como Regina iria gostar.
É uma linda história de amor, e só comprova que o amor pode mudar tudo e tornar a vida mais bonita. Falo de escolhas, porque foi uma escolha de Toninho querer continuar a ser o Toninho de Regina e não mais voltar a ser o velho garoto, briguento e “espeto” de antes. Às vezes o amor pode durar um único dia, mas se for verdadeiro irá fazer uma grande diferença, e só você pode escolher essa diferença.
A vida é uma droga!” Mas, mesmo no fundo do poço mais
escuro, de repente, pode brilhar a pequena luz de um vagalume. (p.3)
Apreciação: 5
[Sendo que: 1 – Ruim; 2- Regular; 3- Bom; 4 – Muito bom; 5- Adorei]
Dados técnicos:
Autor: Álvaro Cardoso Gomes
Editora: Moderna
Páginas: 71

11 comentários:

  1. Nunca li nada do autor, mas sua resenha me deixou interessada!


    BjoO

    Pri
    Entre Fatos e Livros

    ResponderExcluir
  2. Que bom Pri, é um lindo livro mesmo.

    Bjos...

    ResponderExcluir
  3. não conhecia o autor, mas me interessei, a resenha deixa o leitor curioso!

    ResponderExcluir
  4. eu estou lendo este livro eu eutou achando interessante
    Vou confesar a vocês que no começo do livro eu achei um pouco chato eu acho que eu passei duas cemana mais ou menos para eu ter coragen para ler o livro entapo é isso povo vou saindo aqui xerouuh povo

    ResponderExcluir
  5. ja li esse livro três vezes e não me canso de ler ,cada vez que eu o leio me emociono como se fosse a primeira vez. muito lindo mesmo.

    ResponderExcluir
  6. Realmente Carol, é um romance muito bonito. É daqueles que guardamos na memória pra sempre.

    Obrigada pela visitinha! Beijos

    ResponderExcluir
  7. Livro perfeito! Tinha lido, porém esquecido o nome, ainda bem que encontrei sua resenha :)

    ResponderExcluir
  8. Sou apaixonada pelo Alvaro e tive a sorte de conhece-lo, pois ele é marido de uma professora minha da faculdade! Indico todos os livros dele, pois são maravilhosos! Adoro esse titulo dele. Indico a leitura de As Jóias da Coroa, que é um romance policial muiiito bom!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maysa, obrigada pela sugestão de leitura, vou procurar para ler.

      Beijos!

      Excluir
  9. Cara eu sou apaixonada por esse livro até hoje ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um livro lindo Brenda.

      Obrigada pela visita, beijos!

      Excluir

Vamos trocar ideias?