segunda-feira, 7 de março de 2011

Um Pai de Verdade - Pedro Bloch


Sabe aquelas histórias que apesar de curtas e passageiras te faz sentir o que o personagem sente e querer chegar até a última página para descobrir um final feliz? Pois bem, uma dessas histórias posso dizer que é Um Pai de Verdade. É uma pequena história, mas intensa e verdadeira se compararmos com a nossa atualidade.

Ele, um garoto de apenas sete anos que desejava de todo coração ter um pai como qualquer outra criança da sua idade. Mergulhamos nesse sonho junto com o pequeno Rafael. Rafael era de condição simples, e morava com a irmã e a mãe, que trabalhava muito como costureira para garantir o sustento da família.

O Rafael nunca chegou a conhecer o pai, e por isso tinha em si uma grande esperança de reencontrá-lo. Então, com a ajuda de uma amiga, começa a escrever cartas para o seu desconhecido pai. Nessas cartas ele diz todos os acontecimentos dos dias, expressa seus sentimentos para o pai, sempre esperando a sua volta. Um menino muito bom, que apesar dessa tristeza que carregava no coração, não demonstrava tristeza para mãe para que ela também não ficasse triste, e também não se importava em não ter as coisas materiais que gostaria.

Mas, o destino se encarrega de colocar o Renato na vida do Rafael, e com ele trará mudanças para a história da família do Rafael, e fará com que ele possa, pouco a pouco, perceber um amor de pai.

É um livro curtinho e de leitura fácil para as crianças. Gostei muito da história, é comovente perceber de perto a dor de uma criança que não tem um pai, vemos de longe e concerteza hoje percebo que nem de perto podemos nos colocar no lugar dessas crianças, a não ser com amor. Vale a pena muito ler e recontar essa história. 

Apreciação: 4
[Sendo que: 1-Ruim; 2-Regular; 3-Bom; 4-Muito bom; 5-Adorei]

Dados técnicos:
Autor: Pedro Bloch
Editora: Editora do Brasil – Coleção Cotidiano
Páginas: 30

3 comentários:

  1. O primeiro livro que eu li na vida foi do Pedro Bloch, também. Chamava-se "Pai, me compra um amigo?". Confesso que não gostei muito da obra, não, que a achei bastante artificial em alguns aspectos... Mas com certeza é ótimo pra quem está começando na leitura e quer procurar um tema um pouco mais profundo.

    =*
    http://livrosletrasemetas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Dê uma passadinha no Blog, tem algo para você!!!

    ResponderExcluir
  3. Concordo com você Robledo, acho que é uma boa iniciação na leitura para os jovens, porque toca em temas da nossa realidade.
    ...

    Obrigada pela indicação Israel, gostei muito do meme, será o primeiro que vou participar.

    Bjs

    ResponderExcluir

Vamos trocar ideias?